Normal view MARC view ISBD view

Valorização de resíduos orgânicos na formulação de substratos alternativos à turfa para a produção de plantas aromáticas envasadas em modo de produção biológico

by Beozzi, Sara
Authors: Ribeiro, Henrique Manuel Filipe--Orientador | Universidade Técnica de Lisboa--Instituto Superior Agronomia--2013 Published by : ISA (Lisboa) Physical details: XII, 74p. Il. 30cm. Subject(s): Engenharia do Ambiente --Mestrado --Portugal | Fibra de coco | Composto | Turfa | Substrato | Plantas aromáticas | Portugal Year: 2013
    average rating: 0.0 (0 votes)
Item type Location Call number Copy Status Date due
Tese Tese Reitoria - SDP
SDP-Teses
TM043 ISA EAmb1 2013 (Browse shelf) 1 Sem empréstimo

Tese de mestrado.

Bibliografia: pp. 69-74.

Resumo: O presente trabalho teve como objetivo estudar a possibilidade de valorizar resíduos orgânicos (duas fibras de coco e um composto de resíduos florestais e estrume) na formulação de substratos sem turfa, para o cultivo de plantas aromáticas envasadas em modo de produção biológico (MPB).
Cultivaram-se sete diferentes espécies de aromáticas em sete substratos sem turfa (misturas de fibra de coco e composto), um substrato comercial com turfa certificado para MPB (controlo) e dois substratos comerciais com turfa que receberam uma adubação complementar.
Uma das fibras de coco utilizadas demonstrou ser fitotóxica, com 9% de índice de vitalidade Munoo-Liisa, e as plantas nela cultivadas revelaram reduzido crescimento e sistema radicular inadequado. Nas sete espécies, o crescimento das plantas nas misturas da fibra de coco não fitotóxica com composto foi igual, ou superior, ao crescimento observado no substrato controlo, demonstrando serem uma alternativa viável e mais económica do que o substrato comercial. A adubação complementar originou plantas com um crescimento superior ao controlo, evidenciando a necessidade de se otimizar a fertilização.
A fibra de coco e o composto demonstraram ser substitutos adequados à turfa, na formulação de substratos para plantas aromáticas envasadas, desde que seja avaliada a fitotoxicidade e otimizada a fertilização.

Abstract: The objective of this work was to evaluate the performance of two coconut coir and one compost (based on forestry wastes and horse manure), as components of peat-free substrates for the organic production (OP) of potted herbs.
Seven different species of herbs were grown in seven peat-free substrates (based on coir and compost), one peat based substrate certified for OP (control) and two peat based substrate certified for OP with an extra fertilization.
One of the tested coconut coir was phyto-toxic, with a Munoo-Liisa Vitality index of 9%, produced small plants with a poor root system. In all seven species, plants growth in the mixtures of non-phytotoxic coir and compost was equal or higher than the growth in control, showing that these peat-free mixtures are a viable alternative, cheaper than commercial substrates. Extra fertilization tended to increase plants growth, showing the need to optimize fertilization.
Coconut fiber and compost can be successfully used as substrate components for organic production of potted herbs, once phytotoxicity is evaluated and fertilization optimized.

Referência bibliográfica: Beozzi, Sara - Valorização de resíduos orgânicos na formulação de substratos alternativos à turfa para a produção de plantas aromáticas envasadas em modo de produção biológico.Lisboa:Universidade Técnica de Lisboa,Instituto Superior Agronomia.2013.Tese de mestrado.

Click on an image to view it in the image viewer


© 2012, Universidade de Lisboa
Todos os direitos reservados - All rights reserved
Languages: