Normal view MARC view ISBD view

Proposta de valorização agronómica das lamas da fito - ETAR de Barroca d’ Alva

by Castro, Teresa Amélia Garcia de
Authors: Torres, Maria Odete Pereira--Orientadora | Universidade Técnica de Lisboa--Instituto Superior de Agronomia--2011 Published by : ISA (Lisboa) Physical details: 78p. Il. 30cm. Subject(s): Engenharia do Ambiente --Mestrado --Portugal | Zonas húmidas construídas | Phragmites australis | Tratamento das lamas | Mineralização das lamas | Secagem das lamas | Portugal Year: 2011
Online resources:
    average rating: 0.0 (0 votes)
Item type Location Collection Call number Copy Status Date due
Tese Tese Reitoria - SDP
SDP-Teses
Dissertações de mestrado ULisboa TM043 ISA EAmb4 2011 (Browse shelf) 1 Sem empréstimo

Tese de Mestrado em Engenharia do Ambiente

Bibliografia - pp. i- viii.

Resumo - O tratamento de lamas através das zonas húmidas construídas com Phragmites australis, tem sido usado na Europa desde 1988.
O presente trabalho teve como objectivo estudar as lamas e as plantas na Fito-ETAR de Barroca d ` Alva, que se encontra em funcionamento desde Outubro de 2001.
Entre Junho e Setembro de 2010, foram recolhidas três amostras de lama de diferentes locais, sendo analisados os seguintes parâmetros: pH; condutividade eléctrica; sólidos totais e voláteis; azoto Kjeldahl, nítrico e amoniacal; fósforo total; potássio; cálcio; magnésio; ferro; manganês; zinco e cobre.
As plantas foram analisadas em duas datas (16 de Junho e 16 de Setembro), relativamente ao azoto Kjeldahl e ao carbono total.
O baixo teor de matéria orgânica das lamas, não permitem classificá-las como fertilizante orgânico. O teor em azoto amoniacal das lamas é inferior ao azoto nítrico. As lamas apresentam um baixo teor em azoto, fósforo, potássio, cálcio e magnésio.
No que concerne aos metais pesados analisados, estes estão abaixo dos limites legais estabelecidos.
O total de azoto das plantas é superior ao encontrado nos meios naturais.
A compostagem pode ser o destino final a dar às plantas.

Abstract - Sludge management has become a key issue in urban wastewater treatment.
Constructed wetland with common reed (Phragmites australis), for sewage sludge, dewatering (draining and evapotranspiration) and mineralization, has been used in Europe since 1988.
This study aimed to characterize the sludge and plants (Phragmites australis) in constructed wetland for sewage sludge dewatering, operating since October 2001 in Barroca d`Alva.
Three sludge samples in different locations, during June to September 2010 (June 16, July 25, August 19 and September 16) and analyzed for pH, electrical conductivity (EC), total and volatile solids (ST and SV), total Kjeldahl nitrogen (TKN), nitrate (NO3-) and ammonium (NH4+) nitrogen, total phosphorous, potassium, calcium, magnesium , iron, manganese, zinc and copper.
Plants were analyzed in two dates (June 16 and September 16), for total Kjeldahl nitrogen and total carbon.
The low organic matter content of the sludge, does not allow, its use as organic fertilizer. The sludge ammonium content was low in relation to nitric. Moreover, sludge presented low content of nitrogen, phosphorous, potassium, calcium and magnesium.

Referência bibliográfica - Castro, Teresa Amélia Garcia de - Proposta de valorização agronómica das lamas da fito - ETAR de Barroca d’ Alva. Lisboa:Universidade Técnica de Lisboa,Instituto Superior de Agronomia,2011. Tese de mestrado.

Click on an image to view it in the image viewer


© 2012, Universidade de Lisboa
Todos os direitos reservados - All rights reserved
Languages: