Normal view MARC view ISBD view

Parasitoses gastrointestinais em ovinos em regime extensivo e intensivo em explorações do Ribatejo-Portugal

by Anastácio, Pedro Filipe Branco
Authors: Silva, Luís Alberto dos Santos Fragoso da--orientador | Carvalho, Luís Manuel Madeira de--co-orientador | Universidade Técnica de Lisboa.--Faculdade de Medicina Veterinária Published by : FMV (Lisboa ) Physical details: XVI, 89 p. il. 30 cm Subject(s): Medicina veterinária --Mestrado | Parasitoses | Níveis de infecção | Estrongilídeos Gastrointestinais | Eimeria spp. | Ovinos | Portugal --Ribatejo Year: 2012
Online resources:
    average rating: 0.0 (0 votes)
Item type Location Call number Copy Status Date due
Tese Tese Faculdade de Medicina Veterinária
FMV-Bib. Deposito
(Dep.) EM1 DM 2012 ANA (Browse shelf) 1 Apenas consulta local
Tese Tese Reitoria - SDP
SDP-Teses
TM043 FMV MV7 2012 (Browse shelf) 1 Sem empréstimo

Luís Alberto dos Santos Fragoso da Silva ; Luís Manuel Madeira de Carvalho - Orientadores. Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária. 2012

Inclui bibliografia (p. 66-72) e índice

As parasitoses e doenças parasitárias dos ovinos são responsáveis por enormes perdas de produção, devidas ao grande impacto, tanto no bem-estar como na saúde animal, causando uma importante diminuição no balanço económico. Na clínica de espécies pecuárias merecem especial atenção as parasitoses por nemátodes, em especial por Estrongilideos Gastrointestinais (EGI) e por coccídias do género Eimeria spp. É essencial o estabelecimento de planos de profilaxia, para manter aceitáveis os níveis de infecção, sendo para tal necessário o conhecimento detalhado das espécies parasitárias envolvidas e respectiva carga e a sua prevalência. Os objectivos deste estudo foram determinar e comparar a frequência das espécies parasitárias existentes em três explorações de ovinos em regime extensivo e intensivo, assim como os níveis de eliminação nas mesmas explorações. Na exploração em regime intensivo, ou seja, de engorda, pretendeu-se também averiguar a eficácia do diclazurilo em tratamentos profiláticos contra infecções naturais de Eimeria spp., assim como a rentabilidade económica da administração de desparasitante, com o intuito de concluir se esta medida profiláctica/terapêutica se traduziria ou não num maior valor de lucro final. Nos ovinos adultos os géneros de nemátodes de EGI mais frequentes foram Trichostrongylus, Teladorsagia e Strongyloides e as espécies de Eimeria spp. mais frequentes foram Eimeria bakuensis, E. ahsata, E. ovinoidalis e E. parva. Os níveis de eliminação mais graves foram observados em animais em período gestacional e puerperal. Nos ovinos jovens, o género de EGI mais frequentes foi Strongyloides e as espécies de Eimeria spp. identificadas com mais frequência foram Eimeria bakuensis, E. ovinoidalis, E. crandallis/weybridgensis e E. parva. Em borregos em extensivo registaram-se maiores valores de eliminação de EGI e menores de oocistos de Eimeria spp. relativamente a borregos em regime intensivo. A administração de desparasitante (diclazurilo e netobimim) provocou uma diminuição considerável nos níveis de infecção, tanto de EGI como de oocistos de Eimeria spp.. Inversamente, a não administração de desparasitante permitiu um aumento das mesmas. Ainda assim, o diclazurilo mostrou ineficácia e o netobimim eficácia duvidosa, através do TRCOF. O grupo ao qual foi administrado desparasitante teve uma maior taxa de crescimento relativamente ao outro grupo, com um maior peso vivo e valor líquido final por animal, estando associado a este procedimento um valor de lucro per capita de 5,23 €.

Abstract - Sheep parasites and parasitological diseases are responsible for huge production losses, due to their big impact in animal welfare and health, causing an important decrease on the economical balance. In large animal practice, nematode parasites are important, especially Gastrointestinal Strongyles (GIS), and coccidia of genus Eimeria. The establishment of prophylaxis plans is essential to keep acceptable infection levels, being necessary a detailed knowledge about parasitological species involved, as well as their burden and prevalence. The aims of this study were to calculate and compare the frequency of parasitological species present in three different sheep farms in extensive and intensive regimens, as well as the egg shedding levels at the same farms. On the intensive regime holding, i.e., of animal fattening, it was assessed the diclazuril efficacy on prophylaxis treatments against Eimeria spp. natural infections, as well as the economical profitability of anticoccidial drugs administration, to conclude if this prophylactic/therapeutic measure would give a highest final profit. In adult sheep, the most frequent GIS genera were Trichostrongylus, Teladorsagia and Strongyloides. Eimeria bakuensis, E. ahsata, E. ovinoidalis and E. parva were the most frequent species of genus Eimeria. More serious shedding levels were observed in pregnant and puerperal animals. In lambs, the most frequent genus of GIS was Strongyloides and Eimeria bakuensis, E. ovinoidalis, E. crandallis/weybridgensis and E. parva were the most frequent species of Eimeria spp.. Extensive regime lambs registered higher levels of GIS epg and lower levels of Eimeria spp. oocysts when compared with lambs on the intensive regimen. The administration of diclurazil and netobimim caused a considerable reduction of both GIS and Eimeria spp. oocysts infection levels. Inversely, a non-administration allowed an increase of both. However, diclurazil showed low activity and netobimim a doubtful efficacy, using Fecal Egg Count Reduction Test (FECRT). The diclazuril group showed a higher growth rate when compared with the other group, with a higher live weight and final liquid value per animal, being this procedure associated with a profit of €5,23 per capita.

Click on an image to view it in the image viewer


© 2012, Universidade de Lisboa
Todos os direitos reservados - All rights reserved
Languages: